AMEAÇA DO COVID-19 – COMO PROCEDER

Este informe tem a finalidade de orientar nossos associados a tomarem medidas restritivas para minimizar a propagação da doença no País

 

Com base na evolução dos casos no Brasil até o momento, estima-se que, sem a adoção das medidas propostas pela pasta para prevenção, o número de casos da doença dobre a cada três dias.
O Ministério da Saúde recomenda atitudes simples como lavar as mãos e a redução do contato social evitando aglomerações para reduzir o contágio pelo vírus, assim como o isolamento domiciliar ou hospitalar de pessoas com sintomas da doença por até 14 dias, além da recomendação para que pacientes com casos leves procurem os postos de saúde.

PRINCIPAIS MEDIDAS SUGERIDAS PELO MINISTÉRIO DA SAÚDE:

1 – Não entrar em pânico. Com as medidas necessárias, faremos a diferença no Brasil.

2 –  Não divulgue informações duvidosas. Siga as recomendações oficiais do Ministério da Saúde.

3 – Evite beijos, abraços e apertos de mão.

4 – Evite visitar idosos acima dos 60 anos. Eles são o maior grupo de risco.

5 – Lave frequentemente suas mãos e evite tocar o rosto.

6 – Cubra o rosto quando tossir usando ombros ou braços.

7 – Evite aglomerações. Prefira trabalhar em home-office.

9 – Se souber de algum caso de contaminação, reporte.

 

RECOMENDAÇÕES DE AÇÕES A SEREM TOMADAS NOS ESCRITÓRIOS

  • Cancele reservas para salas de reuniões e auditórios.
  • Peça, na medida do possível, aos clientes para adotarem o home-office.
  • Restrinja o uso de salas menores, permitindo no máximo 3 pessoas.
  • Reduza os horários de atendimento, cancele horários noturnos e finais de semana.
  • Coloque seus funcionários em home-office, ou adote revezamento entre eles.
  • Recomende também o home-office aos residentes, para espaços acima de 5 pessoas.
  • Restrinja serviços externos como ida a bancos e outros locais de aglomeração.
  • Permita e facilite que os residentes façam suas refeições no local de trabalho.

Acreditamos que medidas simples como estas não serão suficientes, mas certamente irão reduzir a possibilidade de contágio.

 

Aguardaremos das autoridades competentes se novas medidas forem recomendadas, voltando a emitir novas recomendações.

 

Vamos juntos combater esta pandemia e evitar que o pior aconteça.

Contem com a ANCEV, estaremos à disposição para esclarecimentos!

Ernisio Martines Dias
Presidente

Informação útil – Vejam este link em que podemos acompanhar em tempo real os casos do Coronavirus :
https://gisanddata.maps.arcgis.com/apps/opsdashboard/index.html#/bda7594740fd40299423467b48e9ecf6

Leia Também

Aviso - evento cancelado

Leia mais

Comentários